18 de jul de 2012

Imagine Belieber - Part of Your world : Capítulo 23 ''Christian Beadles''


Quando você diz que ama e você realmente sabe, tudo que realmente importa,não importa mais.

 
Ryan: E a mim também...tudo bem me chamar de Ryan mas você fala comigo de um jeito tão...doce que esses caras acham que eu estou te comendo.
Bê: Eles acham isso ? –bufei.
Ryan: Eu já disse, esses caras são sujos ... aja como a nora de Jeremy ok ?
Bê: Hoje eu vi uma foto dele em um site...ele esta sendo procurando pelo FBI.
Ryan: Eu sei mas os capangas de Julie nunca deixariam o FBI o encontrarem, não antes do Justin pagar o que Jeremy deve...
Bê: Eu não intendo uma coisa... se Jeremy é tão rico e poderoso assim porque ele mesmo não paga essa divida?
Ryan: Porque toda sua fortuna está em uma conta na Suíça e Justin não pode pegar nem tocar em nada apenas Jeremy...a não ser que Jeremy fale com o pessoal do banco e isso é meio impossível e também todo o dinheiro esta sendo monitorado pela Inter Pol.
Bê: Inter Pol ?
Ryan: Sim,está cada vez mais difícil de agir... mas podemos armar uma cilada com todo o pessoal que temos e o pessoal de Jeremy vamos armar uma emboscada e o salvar.

Bê:Mas...se só Jeremy pode pegar o dinheiro na Suíça como esses caras estão sendo pagos.-Ryan sorriu pelo nariz.
Ryan: Para um primeiro dia como criminosa...está bem curiosa não ?
Bê: Eu tenho que saber de tudo certo ?
Antes que Ryan respondesse, três tiros foram disparados fora do galpão. Eu quase corri dali mas Ryan sorriu pelo nariz. 
Ryan: É só o Chris...
Bê: Chris?-perguntei ainda assustada.
Olhei para a entrada do galpão e dois homens extremamente armados entraram, em seguida um rapaz que parecia ter uns 23 ou 24 anos entrou também com uma garota do lado, que mais parecia uma vadia.Ele parecia ser alguém importante e assim que o viram , os caras ali do galpão pararam de atirar e murmuravam coisas entre si. Eu não disse nada apenas observei aquele cara se aproximar mas ele parou á alguns metros da gente e seus olhos direcionaram para mim. Ryan começou a ir até ele e eu o segui, ficando á alguns passos para trás.
Chris: Vejo que está fazendo um bom trabalho Ry!
Ryan: Claro Chris, eu disse que iria cuidar bem dos seus homens.-ele riu com a piada de Ryan.
Chris : Você pode até matar esses imbecis que eu não sentiria falta mas é para ajudar Jeremy então ...
Ryan: Otimo.-dei um passo pra frente,fazendo o tal Chris e o Ryan notarem minha presença. Chris me olhou dos pés a cabeça e deu um grande sorriso com malicia.
Chris: Quem é a vadia?
Ryan: Ela não é  vadia Chris, é a namorada de Justin!
Chris: Vejo que ele esqueceu rápido a minha irmã...
Como assim esqueceu rápido a irmã dele? Do que ele estava falando ?
Bê: Do que está falando ?
Chris: Desde quando namora o Justin ?
Bê: Poucos meses.-respondi,dando de ombros.
Chris: Vejo que não sabe da Cait...achei que Justin teria contado pra você.- respondeu ele , seco.
Bê: Deve ter tido um bom motivo para ele não me contar...
Chris: Acho que o motivo foi a Gravidez de Cait.-ele sorriu sínico.
QUE? QUEM ERA ESSA CAIT ? E QUE GRAVIDEZ É ESSA? Meu coração gelou naquele instante e tudo que eu queria era descobrir essa história direitinho.
Bê: Quem é essa? –Ryan me interrompeu.
Ryan: Brenda,terá que perguntar mais pra frente para o Justin... não viemos aqui cuidar de assuntos pessoais...acho que você deve voltar a treinar.
Bê: EU NÃO VOLTO LÁ ATÉ QUE ESSE IMBECIL ME CONTE TUDO. -respondi quase gritando. Chris me olhou e eu pude ver a fúria em seus olhos.
Chris: Muito insolente essa garota em Ryan ?- Ryan me olhou , me reprendendo.
Ryan: Por favor Brenda...é melhor você ir antes que se machuque.-assenti dando de ombros. Dei meia volta e voltei para treinar naquele alvo imbecil. Aquilo estava me irritando e eu atirava com fúria contra aquilo. Esse tal de Chris tinha me irritado desde a primeira vez que eu olhei pra cara dele e agora muito mais com essa história de gravidez e do Justin... Eu ainda não intendi o que ele quis dizer....mas se Justin tinha engravidado essa tal de Cait ele ia se ver comigo! A se ia!
Continuei atirando contra aquele alvo até que as balas acabaram e como eu estava cansada,me sentei em um apoio de madeira que tinha ali e fiquei esperando Ryan acabar de falar com o tal de Chris para eu poder falar com ele. Se Chris não me contasse Ryan ia ter que me contar sem sombra de dúvidas.
Só de imaginar umas coisas destas meu coração se apertava...E se fosse verdade? E se Justin tivesse algum filho por ai ? Sei lá, ele não me parece de fazer isto mas...quem vai saber? Passei minhas mãos entre meus cabelos tentando esquecer aquilo até que sinto alguém sentar do meu lado. Era o tal de Chris.
OTIMO!
Chris: Já cansou vadia?
Bê: Acho melhor você parar de me confundir com a sua amiguinha ali.-apontei para a mulher que tinha vindo com ele, ele riu.
Chris: Então quer dizer que você é famosa?-perguntou ele mudando de assunto. Ryan devia ter falado dos meus pais.
Bê: Eu não sou muito, só meus pais...
Chris: O que me deixa indignado é...Como o Justin namorada uma patricinha? Tudo bem que ele sempre sou um frouxo mas namorar uma garota como você?
Esse cara já ta me irritando.
Bê: Antes eu do que uma vadia certo?
Chris: Dá na mesma pra mim.
Bê: Isso é falta de amor próprio querido.
Chris: E porque está aqui então? Pelo que sei, Justin não deixou você se envolver com essas coisas?
Bê: Pergunte ao Ryan!-respondi,seca.
Chris: Tudo bem...mas ainda sim, acho que você faz besteira em estar com o Justin.
Bê: Porque? Eu o amo.
Chris: Ama o Justin? Como você consegue amar alguém tão frio quanto aquele muleque?
Aquilo me fez ficar quieta pensando em uma resposta, quer dizer, tentando dar uma resposta porque o Justin que ele falava não era frio e sim muito genti,pelo menos comigo.

(FlashBack ON-)

Estavamos deitados um do lado do outro. Justin me abraçou com um dos braços e eu olhei pra ele. Seus olhos estavam fechados...
Bê:Ta pensando em que bebê ?-ele me olhou.
JB:Em uma música.
Bê:Que música? Eu amo todas as da Ashley Tisdale.-ele riu.
JB:Não é dela...é uma que eu escevi pra você.
Bê: Você escreve ?
JB:Um pouco...e canto também.-me sentei na cama.
Bê:CANTAAAAAAAAAAA PRA MIM POR FAVOOOR JUSTINN ?
JB:Ta bom,mas eu canto muito mal porque nunca fiz aula de canto nem nada...-revirei os olhos e ele riu. Justin se levantou e pegou um violão que havia dentro do seu guarda-roupa. Ele se sentou ao meu lado e começou a cantar.

''Oh uh uh oh,
Oh uh uh oh,
Oh uh uh oh,
Oh uh uh oh

I always knew you were the best
The coolest girl I know
So prettier than all the rest
The star of my show

So many times I wished
You'd be the one for me
But never knew you'd get like this
Girl what you do to me?

You're who I'm thinking of
Girl you ain't my wonner up
And no matter what
You're always number one

My prize possession, one and only
Adore you, girl, I want you
The one I can't live without
That's you, that's you

You're my precious little lady
The one that makes me crazy
Of all the girls I've ever known
It's you, it's you

My favorite, my favorite
My favorite, my favorite girl
My favorite girl

You're used to going out your way
To impress these Mr. Wrongs
But you can be yourself with me
I'll take you as you are

I know they said believe in love
It's a dream that can't be real
So girl let's write a fairy tale
And show them how we feel

You're who I'm thinking of
Girl you ain't my wonner up
And no matter what
You're always number one

My prize possession, one and only
Adore you, girl, I want you
The one I cant live without
That's you, that's you

You're my special little lady
The one that makes me crazy
Of all the girls I've ever known
It's you, it's you

My favorite, my favorite
My favorite, my favorite girl
My favorite girl

Baby it's you

My favorite, my favorite
My favorite, my favorite girl
My favorite girl

You take my breath away
With everything you say
I just wanna be with you
My baby, my baby, oh

My miss don't play no games
Treat you no other way
Than you deserve
Cause you're the girl of my dreams

My prize possession, one and only
Adore you, girl, I want you
The one I can't live without
That's you, that's you

You're my special little lady
The one that makes me crazy
Of all the girls I've ever known
It's you, it's you

My prize possession, one and only
Adore you, girl, I want you
The one I can't live without
That's you, that's you

You're my special little lady
The one that makes me crazy
Of all the girls I've ever known
It's you, it's you

My favorite, my favorite
My favorite, my favorite girl
My favorite girl

My favorite, my favorite
My favorite, my favorite girl
My favorite girl ''



JB:Gostou ? - ele sorriu corando um pouco.
Bê:EU TE AMO, EU TE AMO, EU TE AMO...-pulei em cima dele e ele riu.Ele segurou na minha cintura. JB: Minha garota favorita.-me aproximei dele e o beijei.

(FlashBack OFF-)

Bê:Justin não é frio.-respondi por fim.
Chris: Incrível.-respondeu ele , sorrindo amarelo.
Bê: O que?
Chris: Você confia nele de um jeito...muito estranho...Você devia ir embora daqui, curtir sua vida... o mundo do crime não é tão fácil quanto parece...Isso aqui não é uma brincadeira Brenda e Justin não é tão ‘’fofinho’’ como ele é com você.
Bê: Acho que isso é uma escolha minha. Não vou ficar discutindo isso com você,aliás você nem me conhece para ficar falando...
Chris: Mas conheço bem o Justin...
(Christian Beadles ON|Brenda OFF- )

 (FlashBack ON-)

Alguns anos atrás...
 Chris: Jeremy…eu tenho que falar com você...falar sobre seu filho.-Jeremy se sentou direito na cadeira, ao ouvir que eu estava ali para falar do Justin. Esse namoro dele com a Caitlin estava me preocupando...
Jeremy: Sente-se.-disse ele. Me sentei na cadeira de frente pra ele e ele esperou que eu começasse mas eu não tinha palavras para explicar uma vez que Jeremy nem ver o Justin via mais...
Jeremy: O que ele fez? Está metido em encrencas?
Chris: Pelo que eu estou monitorando não mas...ele está namorando minha irmã e ... acho que ela está grávida dele.
Jeremy: O QUE? ELE NÃO TEM NEM 15 ANOS E JÁ ENGRAVIDOU UMA  GAROTA? EU NÃO ACREDITO!
Chris: A peguei falando disso com a amiga dela...Mellody e ...espero que seja só um mal intendido...eu não quero que isso aconteça, minha irmã é só uma criança.
Jeremy: Criança que fode com meu filho Christian ?
Chris: Você intendeu o que eu quis dizer Jeremy...estou falando isso em nome da nossa amizade...
Jeremy: Leve Cait para sua mãe, oras.
Chris: Justin ficará furioso... e Cait não irá querer ir...
Jeremy: Leve a força.
Chris: Ela não é uma vadia...você sabe...
Jeremy: Eu sei,eu sei...mas porque não a leva embora? Para uma viagem, ou pelo menos conversa com ela sobre o Justin.
Chris: Tudo bem...e como estão os negócios ?
Jeremy: Indo de vento em poupa... As armas do Sul da Malásia caíram mais do que no mercado negro ...acho que estou superando minhas expectativas.
Chris: E são quantas mais ou menos ?
Jeremy: 300 mil caixotes com 500 armas cada... cerca de 400 milhões de dólares.
Chris: WOW.-Jeremy sorriu de canto.
Jeremy : Pois é ...mas acho que você já deve ir...Cait deve estar saindo do colégio agora.-assenti e sai da sala.
Peguei um dos carros e fui até o colégio de Cait.
**
Cait viu meu carro e veio em minha direção. Destravei a porta e ela entrou.
Cait: Veio me buscar hoje irmãozinho, o que houve?
Chris: Tenho que conversar sério com você Cait...
Cait: Pode falar.
Chris: Você está grávida do Justin ?
Cait: -ela me olhou por uns momentos.-Nã-ao.
Chris: Não minta pra mim Cait!
Cait: Tudo bem...é eu estou!
Chris: EU NÃO ACREDITO!!!!!!!!!! EU VOU MATAR AQUELE FILHO DA MÃE!-bati com força no volante.
Cait: Não...por favor...hoje eu vou conversar com ele.
Chris: -respirei fundo.-Quer que eu te deixe lá ?
Cait: É uma boa idéia.-ela sorriu de lado e eu liguei o carro, partindo para a casa do Justin. No caminho eu as vezes olhava para a minha irmã,com apenas 15 anos e já grávida daquele imbecil...aquilo chegava a doer e sabe-se lá oque minha mãe diria se soubesse. E a culpa seria minha porque eu fiquei responsável em cuidar da Cait aqui em Atlanta.
**
Chegamos na casa do Justin e Cait desceu. Deixei ela lá e m seguida fui pra casa.
Assim que cheguei fui direto pra cozinha e peguei umas cervejas...seja lá o que Cait fosse dizer ao Justin, aqui em Atlanta ela não fica nem mais um segundo. Liguei para minha mãe e contei tudo á ela. Como sempre,só faltou ela me matar, mas ela deixou Cait ir ficar com ela e meu pai. Era uma droga! Um porre na verdade!
Me joguei no sofá e fiquei zapeando pela Tv vendo um canal descente para ver.
Quando eu tinha quase acabado com o estoque de cervejas da geladeira Cait passou pela porta chorando. Tentei segui-la mas ela foi mais rápida e entrou no quarto se trancando lá.
Bati na porta com toda minha força mas ela não abria.
Chris: O QUE HOUVE?-gritei, já irritado com aquela situação. Houve um silêncio repentino e então... Só ouvi os soluços de Cait.
Cait: Justin disse que...-ela abriu a porta e me encarou com seus rosto todo vermelho de tanto chorar.- que não liga mais pra mim...e que o filho que eu espero não é dele...
EU IA MATAR AQUELE FILHO DA PUTA. Cait voltou a chorar e então eu a puxei para mim, dando-lhe um abraço apertado.

(FlashBack OFF-)

  (Brenda ON-| Christian OFF)

Bê: Nos amamos.-disse.Eu não ia discutir com aquele cara,não mesmo.Ele deu de ombros.
Chris: Eu pagaria um bom preço por você...quer dizer,você é gostosa.-ri. Aquele cara era muito velho pra mim e ...ele acha que eu sou uma prostituta barata que pode ser comprada?
Bê: Eu não estou a venda. Vai em alguma dessas boates que tem por Los Angeles que você encontre uma mulher pra você.
Chris: Eu ainda estou surpreso...recusando uma proposta minha?
Bê: E quem você pensa que é ?
Chris: Ahh apenas o maior traficante desta cidade.-disse ele se gabando. Como se mexer com drogas fosse algo para se gabar.
Bê: Hm...-dei de ombros.
Chris: Justin esconde tanta coisa de você...
Bê: É.-respondi,concordando. Isso era a pura verdade. Ele já escondeu de mim que era um criminoso e com certeza está escondendo muitas coisas de seu passado...inclusive essa história da tal Cat....Caity,sei lá o nome dela.
Chris: Hm...
Bê: E isso sobre sua irmã... o que o Justin tem a ver ?
Chris: Quer mesmo saber?
Bê: Aram...
Chris: A alguns anos Justin engravidou minha irmã...eles namoravam.
Aquilo foi como um choque. Co-oo-m-o?
Senti minha cabeça girar ... Parecia que tinham me dado uma facada em meu coração, ou sei lá o que. Como Justin não contou isso pra mim? Que ele tinha um filho pelo mundo ?
Bê: E onde esta o filho do Ju-us-ti-in ?-perguntei, empurrando o nome dele a sair de meus lábios, aquilo parecia um pesadelo.
Eu poderia correr dali, sem resposta nenhuma.
Era isso que ele esperava. Que eu ficasse chocada o bastante e deixasse Justin ?
Chris: Não existe filho...minha irmã abortou.-engoli em seco. Era uma coisa estranha...por um lado eu estava feliz e por outro totalmente chocada.
Me levantei dali sem ao menos olhar para trás. Deixei minha arma cair do chão. Comecei a andar com passos largos e rápidos. Assim que passei por Ryan, ele gritou meu nome, mas eu não ficaria ali mas nem um segundo a mais...senão choraria.
EU NÃO QUERO VIVER EM UM MUNDO DE MENTIRAS.
EU ESTAVA DISPOSTA A MATAR PELO MEU AMOR. ESTAVA DISPOSTA A ENTRAR PARA O CRIME, E TUDO QUE RECEBO EM TROCA SÃO MENTIRAS...E COISAS NÃO CONTADAS.
Ryan: BRENDA!ONDE VOCÊ VAI ? -olhei para trás e vi Ryan,parado me olhando muito confuso.Apenas ignorei e entrei no carro, saindo daqui em disparada.
(...)
Quando cheguei em casa por um milagre, meus pais não estavam lá.
Deixei o carro na garagem e subi pro meu quarto, sem nem responder Lucy quando ela perguntou onde eu estava.
Assim que entrei no meu quarto, tranquei a porta e quebrei quase tudo que vi pela frente! QUE DROGA!
Eu não sabia porque estava assim... Ou melhor, só de imaginar outra garota em seus braços, aquilo me fazia muito mal. Depois de Lucy quase derrubar a porta de tanto bater por causa dos barulhos das coisas quebradas que estava ouvindo, eu abri a porta e a abracei. Ela afagou meus cabelos e se afastou um pouco me olhando.
Lucy era apenas uma empregada de uns 30 e poucos anos mas era mais presente em minha vida do que minha mãe.
Lucy: O que houve menina?
Bê: Muitas mentiras...Justin ...Justin escondeu muitas coisas de mim!-ela deu um sorriso reconfortante e voltou a me abraçar. Ficamos ali por muito tempo até ela me afastar...eu já tinha parado de chorar...uma coisa inacreditável.
Lucy: Porque você não toma um banho enquanto eu arrumo isso daqui e preparo algo muito bom pra você comer?-assenti com um sorriso e entrei no meu banheiro.
(...)
Meu banho foi rápido. Quando sai, meu quarto estava arrumado novamente.Lucy ea uma empregada muito eficiente...e muito legal também. Era como uma terceira mãe...porque a segunda era minha vó Cassy. (lê-se Quessi)
Penteei meus cabelos lentamente...me olhando no espelho. Meus olhos estavam muito inchados por causa do choro.
Eu esperava tudo do Justin,menos isso.
Coloquei essa roupa :
                                                                  (sem os acessorios)

Fui pra cozinha e Lucy fez um gesto com as mãos para que eu me sentasse em seguida, serviu uma xícara de chocolate quente. Sorri ao lembrar de que ela fazia isso quando eu era criança e acordava de noite chorando, por causa dos pesadelos que tinha.
Eu não sabia o que pensar...não sabia o que dizer.
Lucy: Quer me contar o que houve?-Lucy se sentou ao meu lado na mesa.
Bê: Não houve nada.-sorri fraco. Eu não podia dizer a ela porque provavelmente ela contaria pros meus pais... e como eu poderia dizer? ‘’LUCY EU ESTAVA TREINANDO EM UM GALPÃO ABANDONADO COM O RYAN PORQUE ESTAVA TENTANDO AJUDAR O JUSTIN PORQUE O PAI DELE FOI SEQUESTRADO POR CRIMINOSOS SÓ QUE LÁ EU FIQUEI SABENDO QUE JUSTIN ENGRAVIDOU UMA GAROTA E QUE ALIÁS TIROU ESSE BEBÊ!’’
Lucy ficaria chocada ou me mandaria para uma prisão por eu estar envolvida com isso.
Lucy: Se não quer contar tudo bem...mas deveria conversar com seu namorado.-sorri pelo nariz e ignorei aquilo.
Depois que tomei meu café,fui pro meu quarto e me tranquei lá, me deitando na cama.
As palavras de Lucy ficaram zanzando em minha cabeça até que eu decidi ligar pro Justin.
Digitei seu número e chamou por alguns instantes até ele atender...
JB: Amor?
Meu coração disparou.
Eu devia perguntar...devia ser forte em esperar que ele me respondesse algo.
Bê: Porque não me contou de Cait?

Continuaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

Oiiii meus anjos como vão ? Era pra mim ter postado ontem só que eu tava doente e não pude escrever , desculpa gente :( EAAAI O QUE ACHARAAAAAAAAAAAAM?????? ESPERO QUE TENHAM GOSTADO MEUS AMOOOORES hahaha

Divulgando: http://imaginebeliebers4ever.blogspot.com

NÃO ESQUEÇAM DE SEGUIR O BLOG QUEM NÃO SEGUE OK AMORES? DÁ PRA SEGUIR POR QUALQUER LUGAR jahshdg~ajdhdgf amo vcs <333

              ----------------------------Continuo com 8 comentários----------------------------------

8 comentários:

  1. Ta dimais continua !!!tadinho do meu chris olha eu tenho uma “historia“ com o chris sera que tem como voce poder colocar ela bo seu blog??? me add no msn dai agente se fala thetelove@hotmail.com briigada ta otima sua ib!!!!

    ResponderExcluir
  2. Ta super demais a historia. Tomara que o Justin não minta mais..
    continuaaaa

    ResponderExcluir
  3. perfeito perfeito perfeitooooooooo!! Só quero ver no que isso vai dar. kkkk continua ta amore?? Amo amo amo suas ibs

    ResponderExcluir
  4. mas se ela vai falar sobre a gravidez, o Justin vai querer saber como ela sabe, e ela vai dizer q tá treinando? Bom, eu acho q nao kk Enfim, tá ótima a IB, mor. Xoxo :3

    ResponderExcluir
  5. Oh loord esse Justin hein u.u
    continua ?

    ResponderExcluir
  6. Aii como o Justin vai reagir com essa pergunta???? Continua... To mtoo curiosa!!

    ResponderExcluir
  7. Meu Deus!!! Quero muito ler a continuação!!!!!!!!!!!!!!!!!! Coloca o proximo capitulooooooooo POR FAVOR!!!!!!!!!

    Bom esse é o oitavo comentario!!!

    ResponderExcluir