7 de dez de 2013

Capitulo 15~~ Danger in Two Heart ~~Estou com Sorte~~








-Natasha o que faz aqui?


Essa pequena frase fez com que meu coração disparasse, vou  me virando devagar até que dou de cara com....


-Madeline é você! Que susto!-digo colocando a mão em cima do peito.Nossa se fosse o justin eu estaria completamente encrencada.

-Mocinha, o justin não gosta que entrem em seu escritório, nem mesmo eu que convivo com ele há anos-diz ela vindo até mim, e pegando o porta-retrato da minha mão e colocando no mesmo lugar que estava na estante.

-Me Desculpa Madeline, é porque eu vim aqui pra tomar um copo de água,só que como a casa é muito grande acabei me perdendo então eu fui abrindo porta-por-porta pra ver se eu encontrava.

-Porque não me chamou? Tens um telefone no quarto especialmente para se comunicar comigo.-ela me olhou meio desconfiada

-Não queria incomodar,sei que a senhora deve trabalhar muito e necessita descansar.

-Ok mocinha, vamos, acho que me convenceu espero que não entre mais aqui, porque talvez a pessoa que te pegue aqui , não seja eu e sim o Sr.Bieber, e com certeza ele não vai lhe tratar da mesma forma que eu.

-Pode deixar  não entro mais, e se não fosse pedir muito, poderia deixar isso só entre nós duas, é porque nem bem cheguei e não quero criar confusão com meu primo.-digo fazendo uma carinha fofa

-Ok Natasha, agora vá durmir, daqui a pouco ele chega e vê nós duas aqui embaixo de papo,vai sobrar pra mim e não quero perder meu emprego.

-Ok mady, posso te chamar assim né?-digo a ela que dá um sorrisinho, estou começando a gostar dela, de verdade. Ela pode ser uma grande aliada minha aqui nesta casa.

-Claro Nath, agora vamos dormir,Boa noite-diz ela dando um sorrisinho e fechando a porta.

-Ok, já estou indo, só vou tomar a minha água-digo fazendo ela me olhar meio desconfiada.

-Espero que seja só a água mesmo viu, mocinha.-Ela dá um sorrisinho e se vira  indo em direção ao seu quarto, que era aqui embaixo mesmo.

Olhei em volta e não vi ninguém entrei de novo no escritório do justin, e comecei a vasculhar suas coisas, olhei mais uma vez a estante que tinha as várias fotos, e uma em especial me chamou atenção era de um homem com um menininho nos braços, sim esse homem era o Jeremy Bieber, e menino o justin, virei o porta retrato e estava escrito :

"Um natal mais que especial, Jeremy e Justin juntos, como uma família feliz"
                                                                                                        25/12/1999

Todas as lembranças vieram em minha mente como um filme , foi exatamente nesse dia que meus pais morreram, enquanto ele estava curtindo um maravilhoso natal, eu simplesmente estava tentando assimilar tudo que tinha acontecido ali naquela noite, uma raiva conteve todo o meu corpo.E isso fazia com que me desse mais vontade de ir além com meu plano.Voltei a mim, quando ouvi um barulho vindo da sala,me assustei, era só o que me faltava agora me esconde de trás da cortina que era enorme, qualquer coisa eu já estaria preparada.

P.V.O Justin


Deixei Natasha no quarto trancada, porque sabia que ela não iria ficar lá se a porta estivesse aberta, entreguei uma cópia da chave a Madeline , pra quando ela ir levar as refeições de Natasha, era hoje que eu iria dar um susto em Jason ele parece que não conhece a minha fama, quem se mete com justin bieber simplesmente está marcado pra Morrer.
Liguei pros caras, que já sabiam disso, só estavam esperando a minha ligação pra saber a hora que iriamos agir.Fui em direção a garagem e peguei a minha Ferrari , ela era simplesmente Foda, só usava ela em ocasiões especiais e sim essa era uma das ocasiões. Segui dirigindo até uma das Boates de Jason "Hot Night's" ela era a segundo boate mais badalada daqui, porque a primeira sempre são as minhas. Estacionei meu lindo bebê e já tinha avistado Chaz ,Ryan e Chris , fui até eles e fizemos o nosso toque.

-E ai prontos, pra dar o troco?-digo me sentindo superior

-Já é Bieber-diz Ryan, fazendo com que todos me seguissem

Entramos na boate e até que ela era arrumadinha digamos assim, mandei os caras sempre ficar por perto, já que estávamos em menor quantidade, mas era assim que eu queria mesmo, queria resolver aquilo de homem pra homem, se é que eu posso chamar aquilo de homem.Fui em direção a ele que estava repleto de seguranças em volta dele perto do bar.

-Ora ora mais que Surpresa-diz ele dando um sorriso sínico

-Como está Jason?-digo dando o meu sorriso mais falso

-Como dá pra ver eu estou ótimo-diz ele se gabando-Já você eu não sei , e então veio apreciar a minha vitória?

-Não,vim apreciar a sua derrota.-Ele me olha surpreso pelo que tinha acabado de falar-Me de licença que vou curtir um pouco.

Me viro e vou até o bar peço uma cerveja ,e dou um gole sinto meu celular vibrar no bolso da minha calça e vejo era  uma mensagem de Ryan

*Então , tudo pronto?

*Sim, podemos fazer a nossa festinha-Respondi e logo ouvi um tiro dado pra cima.

As pessoas começaram a ficar assustadas e correrem em direção a porta enquanto isso eu e os garotos começamos a atirar em tudo tinha pela frente não pra matar nenhum inocente ali mais sim pra destruir, como Jason fez na minha boate, ficaríamos Kits não é mesmo.Vejo seus homens começarem a atirar também mais como só tinha a lampada do bar acesa, dificultando a visualização das pessoas na pista , dei uns dois tiros em um  cara que tinha me visto , e vi Chaz e Chris atirando nos outros enquanto Ryan quebrava tudo que via pela frente, a cena que se via era pessoas gritando feito loucas, um empurra-empurra doido , pessoas sendo  pisoteadas  e tudo, os meninos já tinham dado um jeito nos caras Jason estava desprevenido nessa hora não tinha mais música ligada nem nada só se ouvia os tiros e pessoas gritando, empurrei Jason com tudo sobre o balcão distribuindo socos,chutes, pontas pés dei uma coronhada nele fazendo desmaiar, peguei uma garrafa de água que tinha em cima do balcão, abri e despejei toda em seu rosto,fazendo voltar a sí eufórico  já se percebia vários hematomas em seu rosto, dei mais alguns socos até que vi que ele já não estava aguentando e parei.

-Isso é pra você aprender a não se meter com Justin Bieber,entendeu?-dei uma rasteira que fez com que ele caísse com tudo no chão.

-Entendeu Porra, to perguntando?-vejo ele assentir que sim com a cabeça

-Muito bem, e outra quando pensar em fazer algo comigo , termine o trabalho, porque se eu ficar vivo eu volto e te mato.Que isso sirva de aviso.-Digo dando um chute em seu estomago e me virando vejo os caras vindo atrás de mim e entro no meu carro e o resto dos garotos no carro de Ryan.Parei no portão da minha Mansão e os caras pararam logo atrás descendo .

-Acabou com ele em Bieber?-Diz Chris todo empolgado

-Isso é pra aprender a não se meter com o Bieber aqui.-digo me gabando-E agora cada um pra sua residencia porque estou cansado.

-Ok Brow não precisa mandar  não, já estamos indo - Diz Chaz se fazendo de Ofendido

-Vixe que a bicha ficou ofendida

-Se fode Bieber

-Ui  ficou bravinha foi?-digo fazendo o resto dos meninos Rirem-Valeu Brow's ,falando sério-digo entrando no me carro.

-Pode sempre contar com a gente, amigos são pra isso-diz Ryan se virando e entrando em seu carro juntamente com Chris e Chaz que já estava lá dentro.
Dou uma buzina e os portões se abrem, estaciono minha belezinha e vou entrando em  minha casa, estava um silencio só, passo pela sala e vejo que a luz do meu escritório estava acesa,acho isso estranho abro a porta dou uma olhada só que não havia ninguem lá, mas tambem quem se atreveria a entrar ali,desligo a luz, fecho a porta e vou subindo as escadas pensei em ir ver como Natasha estava, mas resolvi primeiro tomar um banho estava muito cansado.Pego as chaves do meu quarto no bolso e abro, vou me despindo ali mesmo e já vou pro banheiro ligando o chuveiro , e aproveitando aquela sensação maravilhosa da água morninha sobre o meu lindo corpo.

P.V.O Natasha

Corri em direção a cortina até que vejo a sombra de justin , rezei pra que ele não me visse ali, ele  deu uma olhada desligou a lampada e fechou a porta.É melhor eu correr pro meu quarto porque a sorte já bateu na minha porta demais, não vou arriscar mais por hoje.Abro a porta e não havia mais ninguem ali , fui subindo as escadas e vejo a porta que estava trancada mais cedo, só encostada vou até lá e vejo um Belíssimo quarto ouço o barulho de água , e logo deduzo que justin esteja tomando banho. Volto correndo pelo corredor e entro no meu quarto, fecho a porta e deito na cama, fico de costas pra porta, demoro mais ou menos meia hora e vejo alguem abrindo a porta até que ouço a voz de justin

-Natasha, está dormindo?



--------------Continua                                                                                                         Jáaih s2


OOOOOOOOOii, hoje o capitulo foi ENOOOORME hein, haha*-* então vou começar a postar mais , talvez eu vá viajar e já quero terminar a primeira temporada antes de ir, estou pensando em fazer uma segunda temporada o que acham??? Deixem nos comentários u.u Então o que estão achando da Ib ,?? porque as vezes parece que voces nem gostam poxa, nem tem comentários :'(( isso as vezes desmotiva, mas tudo beem , até o próoximo cap, e as gatitas que visualizam e comentam o meu Muuuito Obrigada ,BEEEEIJOS E SEGUE LÁ : @jaiihara

Love Will Remember (Especial da semana : capítulo único) Por: Jani Ferreira

''Agora, é tudo o que temos.E o tempo não pode ser comprado.''


 Acordo preparado para mais um dia de trabalho. Faço o de sempre antes de ir para aquele escritório. O meu trabalho é a minha vida, ele sempre estar em Primeiro lugar.
- Bom dia Sr. Bieber.- diz susi, a secretaria.
- Bom dia susi.
 Tudo na minha vida Já virou rotina; As pessoas, As coisas, As atitudes. Simplesmente TUDO!
- Desculpa atrapalhar seu momento brisando brother, mas temos uma reunião agora.- Diz Chaz adentrando minha sala.- A proposito, bela gravata.
- Haha, Muito engraçado. Reunião de quê?
- O Sr. Monsh vai apresentar a nova estagiária.
- Gostosona?
- Bota Gostosona nisso bro.- Diz Chaz sorrindo malicioso.
 Todos estavam presentes naquela reunião. Enquanto o Sr. Monsh dava o seu tradicional discurso de sempre, procurei por um rosto desconhecido naquela sala, mas a nova estagiária não estava lá.
- E com muito apresso que apresento a Srt. Collins. Por favor Srt. Collins pode entrar.
 Foi ali naquele instante como um flashback que a reconheci, a mesma garota. A minha garota.

* Flashback ON *

- Promete nunca me deixar? - pergunta a garota Já com lágrimas nos olhos.
- Nunca, nem em um milhão de anos.- responde o garoto com convicção das suas palavras.
 E Cada um foi para um lado. Se afastando um do outro.

* Flashback OFF*

 Eu não sabia o que fazer. Era ela, eu tinha certeza disso.
- Lilly?- As palavras saem da minha boca sem o minimo de controle.- É você?

P. O. V Lilly

 Aquela voz. A quanto tempo eu Não escutava aquela voz. Desde aquele dia, meu último dia de faculdade. Foram anos para me acostumar sem ele, Mas agora ele estava ali, bem na minha frente.
- Vocês Já se conhecem?- pergunta o Sr. Monsh.- Se sim, ótimo, Porque vocês vão trabalhar juntos.

* 3 meses depois *

 A convivência dos dois naquela empresa estava algo mais que suportável. Sentimentos que estavam adormecidos por ambas as partes parecia que estava acordando novamente.
3 de julho de 2013, data que vai ficar para sempre na vida de Justin e Lilly.
- Que horas você passa aqui pra gente jantar?- pergunta a garota com seus olhos azuis brilhando.
- Ás 7:00 pode ser?
- Hoje você manda bieber. Mas só hoje.
***

- Bieber desce dessa árvore, você ta bêbado, vai cair. Desce, Por favor!
- Lilly Collins para de ser careta, eu Não estou bêbado.
- agrh! Como você é irritante.
- E você uma chata, vem pra cá, sobe! Vem, vem!
- Não!
- Por favor.
- Tá, Espera aí.

***

- Você sabe que foi a unica garota que eu amei de verdade Não sabe? Nunca consegui te esquecer. Sabe por quê? Porque eu te amo. Sempre amei.
- Para de falar, você Não sabe o que diz. Estar bêbado.
- Para você, eu já falei que não estou bêbado caramba! Não estraga o momento... e você?
- O que Tem eu Justin?- pergunta a menina já impaciente.
- Não sentiu a minha falta? Nem um pouquinho?
- Claro que sim, todos os dias!
 Saudade, amor, Paixão... estava tudo misturado naquele beijo. Ambos chorando por estarem juntos novamente.
- Eu não falei que iria cair.
- Culpa sua que é gorda e o galho não aguentou.
 Estavam rindo. Aquele tombo deveria doer, mais estavam rindo, e felizes, por estarem juntos novamente.
 Naquela noite eles se entregaram. Um ao outro. Como jamais haviam se entregado antes. Ali mesmo, naquele gramado do parque. Eles tiveram a melhor noite da vida deles.


Fim ...

Oi meninas tudo bem ? Aqui é a Thalia. Eu estou sem wi fi por isso vou sumir do whatsapp por uns dias. Esse capítulo como eu disse no título foi feito pela Jani, que é uma escritora ótima.
Espero que tenham gostado da história dela!
Comentem!
Curtam a página do blog no face (aqui)
Vote no seu nome preferido aqui (clica)
Beijos.