25 de dez de 2013

All That Matters 2ª Temporada - Capítulo 15 ''Something inside me'' Parte 1.

''Eu nunca tive nada, e tudo que desejei foi seu amor ...e agora? 
O que eu faço com isso dentro de mim?''


-Essa garota é sua namorada?-Pattie perguntou se sentando no sofá assim que mandei Kate ficar no quarto.
-Não.-eu disse me sentando também.-Acho que você e eu temos muito para conversar e ...depois entraremos nesses detalhes.
-Tudo bem filho.
Me senti um pouco incomodado com aquilo.
''Filho''
Eu não ouvia isso á anos.
-Tudo bem...Ahn, você disse que o Jeremy me enganou. O que quer dizer com isso?
-São muitas coisas para te contar Justin ... Você esta preparado para ouvir a verdade?

-É claro que estou.-disse como se fosse obvio.-Eu quero saber de tudo, quero saber cada detalhe do que aconteceu com você e Jeremy.
Não consegui evitar a frieza em falar dele e ela pareceu perceber isso.
-Tudo bem.-ela deu um sorriso de lado. Algo que eu achei muito doce, pra alguém que eu tinha acabado de conhecer.-Tudo começou quando eu o vi pela primeira vez. Seu pai me salvou de uns garotas que queriam me estuprar. Depois daquele dia, foi como se algo nos unisse, eu não queria que ele me deixasse e ele não queria se separar de mim. Quando nos conhecemos eu já sabia que ele era um anjo, pelo simples fato dele me olhar...foi algo inexplicável. E depois de um mês que estávamos juntos eu engravidei de você. Foi bem assustador saber que a gestação de um bebê anjo seria tão rápida que eu mal respiraria e você já teria nascido. Depois tive a Jazzy e o Jaxon,  e foi tudo tão ... difícil. Os anciões que mantinham a ordem lá no céu me procuraram aqui na Terra e me deixaram presa por um bom tempo. Depois do julgamento eu fui condenada... Um dos guardas celestiais foi designado para me matar e então seu pai me salvou novamente e disse que era pra mim sumir e que eu nunca mais veria meus filhos se quisesse ficar viva. E então, eu fui mandada pra Europa e fiquei lá por todos esses anos.
Que história é essa de gestação de anjo? Por que meu pai nunca me falou disso?
-Ahn, me explica melhor isso de ... gestação de anjo, eu não entendi.-pedi a ela.
-Claro. Bom, os anjos, assim como você e seu pai, -franzi o cenho. Então ela realmente não sabia que eu era um demônio como eu imaginava.-quando ...tem relações com humanos já deixam parte deles nas pessoas desde a primeira vez se eles não se cuidarem...e no outro dia ou nas próximas semanas a pessoa tem os sintomas de gravidez. E ... por incrível que pareça, a barriga não cresce até o nono mês.
Meu pensamento foi na Madison naquele segundo.
Não pode ser, ou pode?
-Como assim a barriga não cresce?
-A barriga só cresce no oitavo mês de gravidez, de repente. Eu me assustei muito. Eu esperava ver a minha barriga crescer mas um dia eu acordei e ela estava lá. É tudo tão intenso ... as dores ... Você  não me chutou um segundo, já Jaxon quase quebrou minhas costelas. Vocês são muito fortes...e isso pode machucar.
-Você tem certeza do que esta dizendo?-perguntei me levantando.
Foi como se meu mundo caísse sobre minha cabeça naquele segundo.
Coloquei a mão em minha testa preocupado.
Será que Madison tinha ficado grávida de mim?
Isso é possível?
-Tenho filho, mas porque?
-Que caralho!-reclamei andando de um lado para o outro.-Eu acho que fiz merda!
-Ei, anjos podem falar assim?-ela me encarou com a sobrancelha arqueada.
-Eu não sou mais um anjo.-a olhei.-Eu me sacrifiquei por uma garota.
-O que?-ela abriu a boca surpresa.-Como assim ?
-Eu me apaixonei por uma humana mãe assim como Jeremy,  e pra resumir, ela corria perigo e eu fiz um acordo com um Arcanjo para salva-la.
-Arcanjos são muito perigosos. Seu pai nunca deixou que eu os visse. Que tipo de acordo você fez?
-Eles me transformaram em um monstro e a protegeram por mim, mas ela é teimosa, e estava aqui até hoje, mas fugiu com um filha da ...-parei de falar, pela cara que ela fez pra mim, ela não queria que eu continuasse com meu palavreado.
-Entendi.-ela balançou a cabeça.-E por que você esta tão preocupado?
-Porque ...eu acho que a engravidei.
-Se você fez isso você tem que ir atrás dela Justin!-ela se levantou e me encarou.-Eu sei que vai demorar um pouco pra você se acostumar comigo, mas eu estou aqui pra te ajudar e se quiser posso te ajudar com essa garota.
-Isso vai ser impossível Pattie...-soltei um suspiro de frustração.-O próprio Jeremy quer me ver longe dela e esta fazendo algo para que eu não a encontre, eu não sei onde ela esta ... Ela provavelmente esta bem longe da casa dela agora.


P.O.V Madison Beer

-Acabou vamos para a casa.-Melannie me abraçou e me ajudou a sair da clinica.
O médico fez o exame, e Melannie deu dinheiro para que o resultado saísse na hora, e assim que ele disse que eu estava grávida o meu mundo caiu ali mesmo.
Ele disse que era de poucas semanas, mas Mel me disse que nenhuma maquina humana podia dizer ao certo...
Aquilo realmente era horrível. E ... com certeza era o bebê do Justin, da nossa primeira vez.
Eu ... era tão tola e tão inexperiente e ele também.
Aposto que ele não sabia nada disso senão teria me avisado , não teria?
-Vai ficar tudo bem Mad, você tem que manter a calma.
Mel abriu a porta do meu carro pra mim e me colocou no banco em seguida passando o cinto em mim. Ela fechou a porta, entrou no carro e acelerou , me levando pra casa.

Acordei e tentei me sentar na cama. Melannie estava do meu lado e eu percebi que estava no quarto dela.
-O que eu to fazendo aqui?
-Você desmaiou assim que chegamos Mad, e eu tive que te trazer para cá para que o papai e a mamãe não te vissem nesse estado...
-Estou com muito medo.-admiti a olhando.-Eu estou com medo dessa ...coisa dentro de mim.
Fechei meus olhos e respirei fundo.
Aquilo só podia ser um pesadelo.
Havia algo dentro de mim, e eu sentia que não era um bebê. Com certeza não era.
-Madison você tem que ficar calma ok?-ela segurou em minhas mãos e me fez olha-la.-Não é uma ''coisa'',-ela fez careta.-é um bebê e ele vai precisar muito que você fique bem.
-Mas eu não quero!-gritei a assustando. Ela se levantou e me encarou.-EU NÃO QUERO UM FILHO DELE PORRA!
As lágrimas novamente começaram a cair.
Esse bebê pode ser um anjo ... pode ser o que for, mas era de Justin e ele me chutaria de sua vida pra sempre se soubesse dele.
Eu tinha um dilema em minha cabeça :

  • Se Justin soubesse do bebê me deixaria? 
  • Se ele não quisesse aquele bebê eu teria coragem de tirar por ele?

-Ei calma mana,-senti os braços de Mel me puxando para perto dela.-fica calma que vamos resolver isso... Agora você não pode ficar chorando por ai senão nossos pais vão desconfiar e se eles perceberem que você esta grávida, você esta ferrada!
Mais?
Pensei.
Respirei fundo e aos poucos fui me acalmando.
-Tudo bem.-disse a olhando.-O que eu faço agora?
-Você precisa contar àquele seu amigo... o anjo.
-Ao Ryan?
-Sim, ele pode e vai te ajudar... Ryan provavelmente sabe mais disso que eu e ele vai esclarecer as dúvidas que estão em sua cabeça.
Suspirei e assenti.
Se tinha uma pessoa que podia me  ajudar agora, era Ryan.

Continua...
Gif

Sim, eu sei esta pequeno mas eu to exausta. Tanto fisicamente como mentalmente. Eu tive muitas coisas pra organizar aqui em casa e acabei ficando bem sobrecarregada porque minha mãe acabou passando mal e se intoxicou com um produto do trabalho dela, e foi parar no hospital. Fora isso, estou com problemas em casa (como sempre) e sei lá, eu ando me sentindo realmente sozinha em relação ao Justin. Não á ninguém aqui ao meu lado que me apoie e isso me machuca muito pq tudo que eu ouço são críticas... Enfim, isso pode explicar esse capítulo hiper minúsculo mas como e a primeira parte de duas, posso ficar tranquila?
Ain gente, eu sei lá, to mal ... não quero falar muito pq acho q ngm esta interessado nos meus problemas não é.
Vou ficando por aqui mesmo ... espero que tenham gostado, e obrigada a todos os comentários.
Amo vocês <3
Canal no youtube, inscrevam-se
Twitter : @WithJustinBr
Trailer da ib no youtube
Polyvore, sigam-me?